Bolt corneta zaga do Brasil contra alemães: "Que tipo de defesa é essa?"

08/07/2014 21:23

Recordista mundial dos 100m rasos, jamaicano critica retaguarda brasileira e depois diz estar triste pelos brasileiros. Líbero Fabi também lamenta atuação da Seleção.

Homem mais rápido do mundo e apreciador do futebol, o jamaicano Usain Bolt cornetou a Seleção Brasileira assim que a Alemanha começou a dar um baile e abriu 5 a 0 no primeiro tempo da semifinal da Copa do Mundo, no Mineirão, em Belo Horizonte.

"Que tipo de defesa é essa?", escreveu o recordista mundial dos 100m rasos, no seu perfil em uma rede social, na qual ele tem 3,3 milhões de seguidores.

Pouco depois, Bolt viu que a tragédia estava anunciada para o Brasil e lamentou a dor que os brasileiros estavam sentindo: "Nada a dizer. Estou triste pelos meus camaradas brasileiros".

Número 1 do mundo do tênis, o sérvio Novak Djokovic foi outro que demonstrou seu choque com a sonora goleada imposta pela seleção alemã aos mandantes da Copa: 7 a 1.

"O que está acontecendo aqui?", escreveu Nole em uma rede social.

Quem também se manifestou durante o primeiro tempo foi Fabi, líbero bicampeã olímpica de vôlei com a seleção brasileira. A jogadora não conseguia entender a lavada que o Brasil estava tomando: "O que está acontecendo?", questionou Fabi.

Outra estrela do vôlei que se manifestou foi a oposta Sheilla, que recentemente trocou o Osasco pelo Vakifbank Istanbul, da Turquia: "Chocada com esse jogo", escreveu a também bicampeã olímpica.

Casada com o ex-tenista americano Andre Agassi, a alemã e também ex-tenista Steffi Graffi posou com a camisa da Alemanha enquanto assistia à goleada da sua seleção sobre o Brasil. O marido postou a foto na internet com o comentário: "Copa do Mundo me mantendo fiel ao meu segundo lugar na casa", lembrando que os alemães derrotaram os EUA na última rodada da fase de grupos do Mundial.