Brasil envia 124 participantes à competição escolar

10/10/2013 16:28

Sete modalidades terão disputa por medalha: atletismo, natação, tênis de mesa, basquete, futsal, handebol e voleibol.

A 19ª edição dos Jogos Sul-Americanos Escolares será realizada entre os dias 21 e 28 de novembro, na Argentina, na cidade de Mar Del Plata. A competição é disputada por alunos com idades entre 12 e 14 anos.

Sete modalidades possuem disputa por medalha: atletismo, natação, tênis de mesa, basquete, futsal, handebol e voleibol. Na edição deste ano, a delegação brasileira será composta por 124 participantes.

O secretário Nacional de Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social, Ricardo Capelli, afirma que além das competições, o evento proporciona a integração entre os países.

“O Ministério do Esporte, em parceria com a Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE) irá levar uma importante delegação brasileira para participar desse evento, que é esportivo, mas também é de integração para os países da América do sul. O Brasil tem uma forte tradição de participação em competições sul-americanas e não poderia deixar de participar de uma forma importante dos Jogos Escolares, em Mar Del Plata”, disse. 

Em reunião técnica do Conselho Sul Americano de Desporto Escolar (Consude) para definir as ações e organização dos Jogos, em agosto deste ano, o Ministério do Esporte propôs que as modalidades futsal e judô se tornem obrigatórias no calendário dos Jogos Sul-Americanos Escolares a partir do próximo ano. Atualmente, as duas modalidades são opcionais e fica a critério do país anfitrião inseri-las ou não na programação dos jogos.

 

“Além da ampla tradição internacional, essas modalidades tem uma presença muito forte no nosso país. O judô tem uma difusão muito grande nas escolas e, nada mais natural que uma modalidade desse porte passe a ser permanente no calendário esportivo dos Jogos”, explicou o secretário.