Isinbayeva lança campanha nas redes sociais para poder competir em 2016.

19/11/2015 06:53

Após escândalo de doping, saltadora pede apoio para que os atletas limpos da Rússia possam voltar a competir: "Quero encerrar a carreira de forma brilhante no Rio".

Dois dias depois de ter criticado a suspensão imposta pela Federação Internacional de Atletismo (IAAF) à Rússia, Yelena Isinbayeva voltou a manifestar sua insatisfação com a decisão. Nesta quarta-feira, a recordista mundial do salto com vara usou as redes sociais para iniciar uma campanha pelos Jogos Olímpicos do Rio 2016. Ela pede apoio para que todos os atletas limpos possam participar das competições, principalmente das Olimpíadas. Após o escândalo de doping, a IAAF determinou que nenhum russo poderá disputar campeonatos internacionais até que a federação do país cumpra todos os critérios de uma lista. 

+ Isinbayeva critica suspensão da Rússia e acha difícil ir ao Rio "independente" 
+ Escândalo de doping do atletismo russo: perguntas e respostas

"Queridos amigos, hoje, mais do que nunca, eu e todos os atletas honestos precisamos de seu apoio. Sim, o problema com o doping existe e não só no nosso país, mas em todo o mundo dos esportes. Certamente isso precisa ser resolvido, mas não por métodos duros e injustos como a exclusão da nossa Federação de Atletismo da IAAF.  É injusto culpar todos os desportistas pelo uso de drogas proibidas. Esses atletas e treinadores que tenham violado as regras devem assumir a responsabilidade por si mesmos. Atletas honestos, inclusive eu, que não estão envolvidos neste escândalo não podem participar de todas as competições internacionais apenas porque nós temos de assumir a responsabilidade pelas ações irresponsáveis de nossos companheiros de equipe ... Isso é justo?", escreveu Isinbayeva.

Disposta a encerrar sua carreira no Rio, ela planejava seu retorno às competições no Mundial Indoor de Portland, no mês de março. 

"Vocês todos sabem que para mim o ano de 2016 é o final da minha carreira esportiva e eu definitivamente quero encerrá-la de de forma brilhante. Mas, por enquanto, não há garantias de que isso vai acontecer. Eu lancei essa hashtag # IsinbaevaRIO2016 para apoiar todos os atletas limpos e justos, que merecem o direito de participar em todas as competições e, principalmente, dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Não podemos ficar em silêncio, devemos defender nossos direitos, porque hoje o mundo inteiro do atletismo está sob ameaça", completou.

AGÊNCIA RUSSA É DESFILIADA

Nesta quarta-feira, a Agência Mundial Antidoping (Wada) se reuniu e decidiu pela desfiliação da Agência Antidoping da Rússia, a RUSADA. Com a decisão, o país fica impossibilitado de receber qualquer competição internacional, pois não tem mais qualquer laboratório filiado para a realização de exames durante os torneios. A medida havia sido uma das sugestões da comissão independente da Wada