Possível causa da artrose, síndrome fêmoro-acetabular gera dor no quadril

01/03/2014 12:02

Síndrome normalmente acomete pessoas fisicamente ativas. Além da sensação dolorosa, alguns têm estalos na região e podem sentir articulação 'travar'.

A síndrome fêmoro-acetabular é uma patologia no quadril que vem sendo atribuída como uma das causas do surgimento da artrose de quadril em adultos jovens. Essa síndrome é usualmente observada em pessoas fisicamente ativas e gera uma dor na parte anterior do quadril ou na virilha, com piora nos movimentos de flexão e rotação articular.

A articulação do quadril é redonda e profunda, mas não completamente congruente, pois ela possui uma torção natural para frente. Na síndrome fêmoro-acetabular ocorre um impacto nesta região anterior entre as estruturas ósseas que compõem a articulação (cabeça do fêmur e acetábulo), gerando, a longo prazo, lesão na cartilagem articular. Além da sensação dolorosa, algumas pacientes têm estalos no quadril e podem sentir a articulação “travar”, principalmente em movimentos de flexão (dobrar o quadril para cima).Algumas causas para o impacto anterior no quadril são: alteração anatômica da cabeça do fêmur (ela tem maior torção para frente), hipermobilidade articular e desequilíbrio muscular, sendo este último o mais passível de correção através de tratamento fisioterapêutico.

O desequilíbrio muscular mais presente na síndrome fêmoro-acetabular é uma ação exagerada dos músculos posteriores da coxa em detrimento à ação do músculo glúteo máximo, principalmente em movimentos que envolvam algum tipo de agachamento. Esse desequilíbrio pode também estar presente na caminhada e na corrida.

Uma sugestão para reverter este quadro é o exercício da ponte: deite de barriga para cima, com as pernas dobradas. Eleve o quadril do chão buscando contrair somente o glúteo, deixando os músculos posteriores da coxa relaxados. Você verá que não é tão simples como parece, mas após alguns dias de treinamento esse padrão de contração é aprendido pelo cérebro e beneficia a mecânica do quadril.